EGPA e SEPLAN realizam curso de Formação em Agente de Planejamento

 Cerca de 250 servidores públicos participaram da sessão de abertura do Curso de Formação em Agente de Planejamento, cuja aula inaugural “Perspectivas do Planejamento Público no Brasil Contemporâneo” ocorreu na manhã desta quarta-feira, 18, no auditório do Centro Integrado de Inclusão e Cidadania (CIIC), proferida pelo Prof. Dr. Roberto Wagner da Silva Rodrigues, Analista de Planejamento e Orçamento do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão.

Tendo como principais objetivos capacitar técnicos que atuam prioritariamente na área de planejamento a serem capazes de utilizar conhecimentos da realidade estadual, promover o desenvolvimento de visão sistêmica da gestão governamental, integrando as funções de coordenação, planejamento e orçamento, propiciar a compreensão de relações entre as dimensões estratégicas e os níveis tático-operacionais, e compreender a gestão do planejamento como suporte ao desenvolvimento de políticas públicas setoriais com visão regionalizada, com foco em resultados, o curso de extensão, que será realizado numa parceria da Secretaria de Estado de Planejamento (Seplan) com a Escola de Governança do Estado do Pará (EGPA), será ministrado no regime semipresencial, em seis módulos, perfazendo um total de 260 horas, sendo 40 presenciais.

Sociedade, Economia e Desenvolvimento Sustentável, Políticas e Finanças Públicas, Planejamento e Orçamento Público e Gestão são os temas que compõem o conteúdo programático da formação, que discutirá desde sustentabilidade sociopolítica, ambiental e econômica, aspectos históricos e institucionais e os instrumentos de políticas públicas, conceitos e leis, até planejamento e modelos de gestão com previsão de conclusão em junho de 2018.

José Alberto Colares, titular da Seplan, considerou alguns aspectos contextuais da crise nacional, sinalizando a responsabilidade do agente público em atender a sociedade: “é um momento propício para a realização deste curso porque o maior investimento do estado é feito pelo povo por meio dos impostos, que espera retorno em bens de serviço, e serviços eficientes”, afirmou.

A aula inaugural discorreu sobre os principais tópicos da agenda do governo federal, incluindo temas como teto fiscal, orçamento plurianual, nova lei de finanças, o sistema de planejamento e orçamento nacional, o papel do plano plurianual, integração plano-orçamento, indicadores para políticas públicas, monitoramento e avaliação de políticas e programas governamentais.

“Entendemos que esses tópicos são muito úteis para um fecundo debate no âmbito de uma rede estadual de planejadores públicos”, afirmou o professor Roberto Wagner.

A parceira EGPA foi representada pelo coordenador Reynan Abreu, do Núcleo de Captação de Recursos, que expôs sobre a atuação da instituição na formação do servidor público. “Atualmente há 22 cursos em execução, e já são 96 municípios integrados ao programa de saúde alimentar, ações tornadas possíveis por meio dos Cursos de Educação à Distância (EAD)”, disse, informando que no Brasil já chega a 92% a instituições educacionais que utilizam esse modelo.

Segundo o coordenador o desafio é alcançar eficiência, e os profissionais convidados a serem os facilitadores e tutores do Curso de Formação em Agente de Planejamento são todos de inquestionável competência e experiência na área, além da utilização de uma plataforma interativa que facilitará a metodologia pensada para o curso e a ampliação do conhecimento dos participantes, além do incentivo à troca entre pares, professores e monitores.

Para Paulo Cícero Rocha, gerente de logística, a Seplan oferece ao servidor uma visão de futuro ao realizar esse curso. “É a criação de uma base de conhecimento para que possamos desenvolver e expandir o trabalho interno e desenvolver programas diversos nas áreas da gestão, desenvolvimento e planejamento do serviço público”, afirmou.

O módulo I já se encontra disponível aos interessados, que após confirmação de inscrição ao curso recebem a senha de acesso para conhecimento da Plataforma EAD da EGPA. O módulo 2, Sociedade, Economia e Desenvolvimento Sustentável, foi iniciado também hoje pela Profa. Dra. Maria Amélia Rodrigues da Silva Enriquez, Secretária Adjunta da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Educação Profissional (Sectet).

Agência Pará de Notícias


© Copyright EGPA 2017 | Endereço: EGPA – Av. Nazaré, 871, Bairro Nazaré (entre Trav. Quintino Bocaiuva e Rua Joaquim Nabuco) . Belém – PA.

Desenvolvimento: PRODEPA  Usando CMS livre - Drupal  Sítio Acessível